preloader
Itália não solicitará mais visto sanitário para turistas

Itália não solicitará mais visto sanitário para turistas

A partir de 1º de junho, não será mais necessário apresentar o visto sanitário para turistas que irão entrar na Itália. De acordo com o UOL, a ordem que obriga a apresentação do que ficou conhecido como “passe verde”, emitida pelo Ministério da Saúde da Itália, expirou em 31 de maio. E não terá renovação.

Assim, o fim da exigência do “passe verde” termina às vésperas da chegada do verão na Itália, época de alta temporada na qual são esperados muitos turistas. O turismo é um dos pilares da economia italiana, por isso foi um dos setores que mais sofreu com as restrições da pandemia.

Mas o governo já não utiliza praticamente nenhuma restrição sanitária no país contra a covid. O passaporte sanitário serve para provar que o indivíduo tomou as vacinas necessárias, está curado da covid ou mostra que está negativado para a doença. Mas atualmente só se exige visto sanitário para funcionários de hospitais e para visitas em asilo.

E, pelo menos até 15 de junho, o uso de máscaras ainda seguirá recomendado em meios de transporte públicos e de longa distância. Além de cinemas e teatros. A média de contágios e óbitos estão em queda nas cidades italianas desde o fim de abril. Se você quiser saber como funciona o sistema de saúde italiano, temos um artigo especial sobre o assunto.

Italianos que tiveram sua cidadania reconhecida já podem viajar pelo mundo, seguindo apenas recomendações específicas de alguns países. Assim, para saber mais sobre o que é a Cidadania Italiana, e como requerer este direito, garantido por lei, confira nosso conteúdo especial sobre o tema. Ou envie um e-mail abaixo, para tirar suas dúvidas: